sexta-feira, 29 de abril de 2016

TDAH EM ALTÍSSIMA PRODUTIVIDADE

 
 

Em menos de meia hora montei três smartphones Moto G segunda geração. Tudo montado, encerrado... E o que fazem aqueles dois componentes ali ao lado?
Nada é perfeito... Em um deles esqueci de instalar a câmera frontal e o sensor de proximidade. Resignado desmontei um dos aparelhos e instalei os componentes esquecidos. Remontei o aparelho, testei, perfeito!
Vamos ao segundo teste: O aparelho não reconhece chip nem cartão de memória. Desmontei o segundo aparelho e me deparei com o componente onde estão instalados o slot de chip e do cartão SD desconectado da placa mãe. Sorri sozinho e pensei: Se eu tiver esquecido de algo no terceiro aparelho vou precisar fazer um post.
Remontado o aparelho, tudo certo.
Se você está lendo esse post já sabe...
Vamos ao terceiro. E o aparelho não liga, não dá o menor sinal de vida. Um pequeno aperto na alma antecede à lembrança de que neste último aparelho a bateria estava descarregada. Liguei o carregador e pronto, em poucos minutos o Moto G estava ligado e funcionando. Tudo certo (?). Quando fui testar o som do aparelho, descobri: Esqueci de instalar o botão de volume!
Outrora eu teria me irritado comigo mesmo, xingado... Ontem comecei a rir e pensei: Já tenho um tema para um novo post.
Com ou sem remédio, com ou sem tratamentos auxiliares e/ou alternativos, nossa memória vai falhar. Ainda não inventaram o remédio perfeito. Nem a terapia infalível. Então, terei de conviver com isso. Claro, nem sempre essa convivência é tão amena; quando estou muito atrasado ou quando esqueço pela milésima vez a mesma coisa, me irrito, me xingo, mas no geral tento me controlar. E não me esquecer de que sou TDAH. Isso faz toda a diferença!
Já disse aqui antes, um celular ajuda muito a nossa memória, anoto tudo: O horário dos remédios, os dias e horários de colocar o lixo na rua, compromissos lembretes, agenda, tá tudo nele. E aqui vai uma dica: Sempre que configurar seu celular, marque para que ele faça backup regularmente quando estiver  conectado via wi-fi. Guarde em lugar seguro a senha de seu e-mail do Google, ou sua senha do Icloud ou da Microsoft. Assim, quando você precisar por ter perdido seu celular, comprado um novo ou por ele ter pifado de vez, basta que você cadastre sua conta no novo celular e o aparelho sincronizará seus contatos, e-mails, compromissos, senhas e tudo o que você havia salvado no aparelho velho. Sem ter que ficar cadastrando manualmente. Por isso vale a pena salvar tudo no celular. Além disso ele apita na cabeça da gente sem parar até que tenhamos cumprido o compromisso agendado.
Apenas para encerrar; o terceiro Moto G deu um problema e tive de desmonta-lo hoje novamente. Após sanar o defeito remontei-o e, claro, esqueci de instalar os botões de power e volume. Pensei imediatamente no post...
E desatarraxei os quatorze parafusos instalei os botões e reapertei os quatorze parafusos novamente. Acho que pela última vez nesse aparelho.
Só acho...